PRB e Cléber Verde citados em denúncias de laranjas nas eleições

O Jornal Nacional da TV Globo, apresentou uma reportagem interessante sobre os eventuais laranjas nas eleições de 2018. O tema ganhou notoriedade devido a crise política envolvendo o ministro Gustavo Bebianno (Secretaria Geral), acusado de quando era presidente do PSL ter feito uso de “laranja” nas eleições do ano passado.
No entanto, o caso que pode gerar até a “queda” de Bebianno – uma candidata que em Pernambuco recebeu R$ 400 mil em recursos públicos do fundo partidário e obteve somente 274 votos – é ainda menos alarmante de um caso no Maranhão, relatado na reportagem.
O Jornal Nacional conseguiu fazer o levantamento e apontou que pelo menos 51 candidatos a deputado federal e estadual podem ter servido na última eleição como laranjas para que partidos desviassem recursos do fundo eleitoral.
Só que foi justamente no Maranhão o caso mais grave destacado na reportagem. Em São José de Ribamar, Maria Rosas do PRB, que foi candidata a deputada estadual em 2018, recebeu R$ 600 mil e teve somente 161 votos.
Para piorar ainda mais, a candidata do PRB ainda mandou confeccionar 9 milhões de santinhos, quando a população do Maranhão é de aproximadamente 7 milhões.
A gráfica pertence a um filiado ao partido e recebeu outros R$ 580 mil reais para confeccionar material de campanha para o deputado federal Cleber Verde, presidente do diretório estadual do PRB. Lembrando que cabe ao presidente do diretório participar da decisão sobre onde são aplicados os recursos eleitorais.
Mais uma vez o Maranhão sendo destaque negativo na imprensa nacional.
Clique aqui para ver a reportagem completa.

Postar um comentário

0 Comentários