Deputados estaduais são favoráveis ao corte de energia elétrica dos maranhenses - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

16 de outubro de 2019

Deputados estaduais são favoráveis ao corte de energia elétrica dos maranhenses

Membros da CCJ da Assembleia Legislativa são a favor do corte de energia dos maranhenses
Neto Evangelista, Zé Inácio, Fernando Pessoa, Cesar Pires e Wendell Lages são a favor do corte de energia elétrica aos finais de semanas e feriados
Não dá para entender a cabeça de alguns deputados na Assembleia Legislativa do Maranhão, principalmente os membros da Comissão de Constituição e Justiça – CCJ.
Presidida por Neto Evangelista (DEM), que tem como relator o deputado Fernando Pessoa (SDD), a comissão daquela Casa Legislativa tenta a todo custo derrubar um importante projeto do deputado Duarte Júnior (PC do B), que evita o corte de energia elétrica de consumidores em todo o Maranhão.
Ora, se é a favor do povo, aprova-se e depois a Equatorial Energia (antiga Cemar), se quiser, questiona na justiça a legalidade da lei, haja vista, que em vários estados, lei similar já foi aprovada e nenhuma concessionária recorreu ao Supremo Tribunal Federal – STF, em face da inconstitucionalidade das leis.
Ou os deputados estaduais da CCJ estão em favor da empresa???
Relacionamos aqui os nomes dos membros da CCJ da Assembleia Legislativa, e até que se prove o contrário, eles são favoráveis ao corte de energia do povo sofrido do Maranhão. Estes mesmos que aprovaram o aumento no ICMS, que aumentou ainda mais a conta de energia dos maranhenses.
Deputado Neto Evangelista (presidente)
Deputado Zé Inácio (vice-presidente)
Deputado Rafael Leitoa
Deputado Antônio Pereira
Deputado Wendell Lages
Deputado Fernando Pessoa
Deputado Cesar Pires 
Em tempo: este Blog está aberto aos esclarecimentos dos deputados, se é que se tem motivo para votar contra a população que já paga impostos caríssimos na maior crise econômica da história deste país. 
E mais: em Teresina, Capital do Piauí, estado vizinho, uma lei municipal proíbe o corte de água e energia, o STF julgou improcedente o recurso da Equatorial energia. 
Pra fechar: no Espírito Santo, lei similar está em vigor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário