Polícia conclui inquérito e aponta vice como mandante do assassinato do prefeito de Davinópolis, no Maranhão - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

18 de janeiro de 2019

Polícia conclui inquérito e aponta vice como mandante do assassinato do prefeito de Davinópolis, no Maranhão

Inquérito aponta que o vice-prefeito, Rubem Lava Jato, foi o mandante da morte do prefeito Ivanildo Paiva
A Polícia Civil anunciou nesta quinta-feira (17) que concluiu o inquérito sobre o assassinato do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva. O corpo foi encontrado na manhã do dia 11 de novembro de 2018, a cerca de 2 km da sede da sua fazenda, na zona rural do município.
A Superintendência Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) entregou o inquérito no fórum da cidade de Imperatriz. No total, a polícia realizou oito prisões, incluindo o vice-prefeito, José Rubem Firmino, apontado como mandante do crime.
Segundo delegado Praxísteles Martins, da Delegacia de Homicídios de Imperatriz, a motivação da morte de Ivanildo Paiva foram promessas não cumpridas a José Rubem, como o pagamento de R$ 300 mil após a reeleição da chapa, além de Ivanildo não ter entregue ao vice o controle político da Secretaria de Educação do município. Esses acordos teriam sido feitos a época da campanha quando ambos buscavam a reeleição.
Após a prisão do vice-prefeito, o presidente da Câmara de Vereadores de Davinópolis, Raimundo Nonato Martins (PRB), assumiu a prefeitura da cidade.
Raimundo Nonato Martins (PRB) assume prefeitura de Davinópolis — Foto: Reprodução / TV Mirante
Do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário