Mata Roma-MA: Caixa d'água de poço semi-artesiano desaba, deixando mais de 80 famílias sem água e Prefeito não toma providencias. - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

25 de janeiro de 2019

Mata Roma-MA: Caixa d'água de poço semi-artesiano desaba, deixando mais de 80 famílias sem água e Prefeito não toma providencias.

Por muito pouco, um grave acidente não foi registrado, no povoado Boqueirão do Gado, zona rural de Mata Roma. Uma caixa d’água desabou, provocando um grande susto entre os moradores daquela comunidade, que estão a dias e até semanas sem água, até que a prefeitura tome providencias para amenizar o problema.

A titular do Blog da Rayssa, recebeu na manhã de hoje, uma triste e vergonhosa denúncia do povoado Boqueirão do Gado, zona rual de Mata Roma-MA.




Após a queda da caixa d'água localizada no povoado de Boqueirão do Gado, município de Mata Roma no Maranhão, desde o dia 22 de dezembro, a população vem sofrendo com a situação. Famílias indignadas procuram por alternativas para não ficar sem água.

A boa vontade dos vizinhos que têm poços no fundo do quintal  é o que está ajudando a suprir a necessidade dos moradores. 


Esse é o caso de D. Maria, ela tem um poço artesiano em sua casa e ajuda a vizinhança como pode. “Todos os que vêm aqui não voltam com o seu balde vazio”, disse ela.


Falta de manutenção

A falta de manutenção pode ter provocado a queda do poço. Segundo moradores a estrutura estava sem passar por manutenção há mais de anos. Após o desabamento da caixa, pessoas ligadas a prefeitura fez a retirada da bomba, ignorando a situação. 


Esse é mais um reflexo dos erros cometidos pela administração de Bode, Carmem Neto e Paulo Neto.

Um comentário:

  1. Não há razão para inércia da administração pública quando a demora na solução do problema que aflige os munícipes possa resultar em danos materiais e morais irreparáveis para a população, como no caso em tela em que a comunidade afetada pelo desmoronamento da referida caixa d'água se encontra há vários dias sem água para suprir suas necessidades diárias.

    A água é elemento indispensável à vida. A escassez de água ou a má qualidade desta sempre traz consequências trágicas às populações impactadas. Cumpre às autoridades competentes garantir um serviço de saneamento básico de qualidade, mediante medidas e ações concretas que assegurem o fornecimento de água potável de qualidade à população, sobretudo nas regiões mais carentes de serviços públicos essenciais.

    Diante dos transtornos sofridos pelos moradores do povoado de Boqueirão do Gado em razão do infortúnio noticiado na matéria em tela, causado sobretudo pela situação precária em que se encontravam as instalações do referido reservatório, desgastadas e sem manutenção há muito tempo, URGE QUE O PODER PÚBLICO SE FAÇA PRESENTE AO LOCAL COM SEUS TÉCNICOS E EQUIPAMENTOS PARA RESOLVER O PROBLEMA, o mais rápido possível.

    Não se justifica a omissão da prefeitura no caso em comento, pois em qualquer situação, sejam quais forem as circunstâncias, é a prefeitura que deve responder pelos problemas do município e procurar resolvê-los o mais breve possível.

    Os munícipes recolhem mensalmente uma infinidade de tributos, esperando receber em contrapartida serviços públicos de qualidade, principalmente os essenciais como abastecimento de água potável, tratamento de esgoto, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos, etc, serviços esses que são imprescindíveis para a saúde de toda a sociedade e para o meio ambiente.

    O gestor público que negligencia tais serviços à sociedade é, no mínimo, um irresponsável.

    Cumpre, portanto, à prefeitura municipal envidar esforços para que sejam providenciados com brevidade os serviços e reparos necessários, a fim de se evitar maiores transtornos.

    Ou será que as autoridades competentes preferem esperar que primeiro aconteçam ali mortes por desidratação crônica e infecções parasitárias para só depois resolver o problema ??!!

    Com a palavra, a Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura de Mato Roma.

    ResponderExcluir