SEJUS CONFIRMA FUGA DE 75 PRESOS APÓS REBELIÃO EM PRESÍDIO DE ESPERANTINA PIAUÍ E 20 JÁ FORAM RECAPTURADOS - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

sábado, 7 de outubro de 2017

SEJUS CONFIRMA FUGA DE 75 PRESOS APÓS REBELIÃO EM PRESÍDIO DE ESPERANTINA PIAUÍ E 20 JÁ FORAM RECAPTURADOS


A rebelião que ocorreu durante o dia de ontem(06) no presídio Luiz Gonzaga Rebelo favoreceu na fuga de dezenas de detentos do local. A Secretária de Justiça do Estado confirmou que 75 detentos fugiram, mas que 20 já foram recapturados.
Segundo o site Jornal Esp, pelo menos três detentos foram recapturados ainda na noite de ontem – dois na localidade Jatobá e outro no município de São João do Arraial. Também na noite de ontem, pelo menos cinco motos e dois carros teriam sido roubados em Esperantina, supostamente por presos que fugiram da penitenciária. O veículo também noticiou nenhuma autoridade sabia precisar a quantidade de presos foragdos.

De acordo com o delegado de plantão na cidade, Dennis Sampaio, os recapturados estão sendo levados diretamente para o presídio, sem passar pela delegacia.

“Eles devem vir para cá se cometerem algum outro crime, como os que cometeram roubos de carro e motos. Mas, até o momento nenhum foi apresentado na delegacia”, afirma o delegado, que disse ainda que a população viveu momentos de medo e pânico, principalmente na noite de ontem.
O Cidadeverde.com teve acesso a uma lista com os nomes dos supostos presos foragidos da penitenciária.

Sejus
Em nota, a Sejus informa que os foragidos estão sendo procurados por 30 policiais militares e que o comando da PM também reforçou o policiamento na região.

A nota destaca também que 110 presos foram transferidos e que o setor de engenharia avaliou que o estrago feito na penitenciária durante a rebelião foi grande.
O presídio tem capacidade para 190 presos e estaria com mais quase 400 até ontem.

Rebelião

A invasão de presos do pavilhão C para o pavilhão D por volta do meio-dia, quando conseguiram quebrar paredes e se armarem com vergalhões da estrutura, foi o início da rebelião que só teria sido controlada por volta das 18h, com a chegada da tropa de choque. Os detentos conseguiram chegar na parte mais alta do presídio e reivindicavam a presença da imprensa e dos direitos humanos. Foi com esse tumulto que muitos aproveitaram para fugir.
Com o motim, pelo menos 15 teriam ficado feridos e três foram encaminhados para o Hospital de Urgências de Teresina (HUT) com escoriações graves.

    Veja nota na íntegra:

A rebelião ocorrida na Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, em Esperantina, na tarde dessa sexta-feira (6), foi controlada por volta das 18h, após a Tropa de Choque da Polícia Militar entrar no presídio.
Informações da Diretoria de Inteligência e Proteção Externa da Secretaria de Justiça (Dipe) apontam que 20 presos fugitivos já foram capturados e 55 estão sendo procurados por 30 policiais militares da região de Esperantina e de Teresina.
Relatório preliminar do Setor de Engenharia aponta que a deterioração da unidade está em grau elevado. Foram transferidos 110 presos para outros presídios do Estado.
O Comando Geral da Polícia Militar reforçou o efetivo de PMs em Esperantina e na região, para garantir a segurança da população e efetuar a captura dos foragidos. A Polícia Civil e a Promotoria de Justiça de Esperantina já foram acionados para investigar a causa e a motivação da rebelião.
Além da Secretaria de Justiça, estão colaborando no caso a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Prefeitura de Esperantina, Ministério Público, Poder Judiciário, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil, entre outros órgãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário