15 DE MARÇO: o dia que ficou marcado na história do Maranhão - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

quinta-feira, 16 de março de 2017

15 DE MARÇO: o dia que ficou marcado na história do Maranhão



A população maranhense jamais vai esquecer o dia 15 de março de 2017. Ontem, ficou guardado na memória e na história do Maranhão.
O governo do Estado, sob o comando do comunista Flávio Dino, deu dois duros golpes no povo: o segundo aumento de impostos, em menos de 3 anos de governo, e a alteração no Estatuto do Magistério, negando reajuste de vencimentos aos professores.
O primeiro golpe penalizou duramente a população, sobretudo, os mais carentes que vão pagar mais alto pelo imposto de produtos e serviços essências (energia elétrica, álcool e gasolina, cigarro, TV por assinatura, telefonia e internet).
Se não bastasse isso, os deputados estaduais – os mesmos responsáveis pelo aumento de ICMS, resolveram massacrar os professores. Eles protagonizaram uma situação vexatória, ao mostrar que são mesmo submissos ao governo para uma galeria lotada de professores.
Mesmo sob vais e forte protesto dos educadores, a maioria dos parlamentares ainda aprovou – a mando do governo, a Medida Provisória 230/2017 que trata de um reajuste que não incidir sobre o vencimento e sim sobre a Gratificação por Atividade no Magistério (GAM), o que vai de encontro com que diz o artigo 32 do Estatuto do Magistério.
O grito de aclamação de professores não foi ouvido por quem deveria fazer seu papel de representar o povo. Foi ouvido somente a voz de um homem que ordenou o pacote de maldades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário