"SOU INOCENTE", diz conselheira tutelar acusada de tramar a morte de outro conselheiro em Santa Inês-MA. - Blog da Rayssa Araújo | Notícias de Anapurus e Região

sábado, 26 de novembro de 2016

"SOU INOCENTE", diz conselheira tutelar acusada de tramar a morte de outro conselheiro em Santa Inês-MA.

"em momento algum participei de trama alguma ou premeditei algo do tipo que está sendo veiculado contra quem quer que seja. " 

Conselheira tutelar denunciada pelo afilhado em depoimento a policia como acusada de encomendar a morte de um colega de trabalho e também conselheiro tutelar em Santa Inês, rebate as acusações e diz está sendo vítima de perseguição.

Em nota Keilliane Silva de Queiroz, diz que sua vida sempre foi pautada dentro do princípio do respeito e da dignidade, e que hoje está vivendo dias de angustia e enfrentado grande tribulação. E que está sendo vitima de uma grande perseguição. A conselheira nega ter participado de qualquer trama ou premeditado algo do tipo que está sendo veiculado na mídia, e que é inocente.

Concluindo a conselheira afirma que está confiante que vai vencer mais esta batalha, agradece as muitas manifestações de carinho e apoio que vem recebendo dos amigos, e colegas de todo Brasil.


Meus amados venho a publico manifestar meus sentimentos a tudo que está sendo lançado contra minha pessoa na mídia em geral, minha vida sempre foi pautada dentro do princípio do respeito e da dignidade. Hoje tenho vivido a maior tribulação já enfrentada por mim. 
E humildemente estou aqui para dizer a vocês que em momento algum participei de trama alguma ou premeditei algo do tipo que está sendo veiculado contra quem quer que seja. 
Estou sendo vitima de uma grande perseguição, tenho vivido dias de angústia, mas ainda assim estou aqui para dizer a vocês que sou inocente e que como tudo na minha vida... vou vencer mais esta batalha que se levantou contra mim e minha família. 
Agradeço as manifestações de carinho e apoio que tenho recebido de todos os meus amigos, das pessoas de modo geral, de quem me conhece e de colegas de todo Brasil que tem me ligado me dando apoio. 
Muito obrigado meus amados. 
Acredito e confio na justiça de Deus orem por mim!

ENTENDA O CASO 

Segundo depoimento do afilhado da conselheira Keilliane Silva de Queiroz, ela o teria proposto a ele que matasse Werberth Silva, mas, o jovem teria recusado a proposta e procurado a policia onde teria delatado toda a trama. Segundo o afilhado, a madrinha o teria procurado no dia 28 de outubro,afirmando que precisava conversar a sós com ele.

“Quando cheguei ao Conselho Tutelar, ela [a acusada] pediu que minha esposa saísse da sala, e foi quando me disse que havia um conselheiro de nome Weberth que estava tentando prejudicá-la, levantando falsas acusações contra ela, inclusive de furto”,

A conselheira teria perguntado quanto o afilhado cobraria pelo serviço. Ainda segundo o jovem, Keilliane, ofereceu além de dinheiro, uma arma para o afilhado praticar o crime, caso não concordasse que apontasse alguém que fizesse o serviço.

O jovem de 18 anos disse que ainda está em processo de reintegração social por conta de atos inflacionais no passados, e que a esposa está grávida por isso rejeitou prontamente a oferta e decidiu além de denunciar o fato a policia, também avisar a suposta vitima, o conselheiro Werberth Silva.

Ao blog, o delegado Ederson Martins Pereira informou que está investigado o caso, que até o momento configura como ato preparatório de ameaça de morte.




Blog do Domingos

Nenhum comentário:

Postar um comentário